ll

sexta-feira, maio 21, 2010

Sesimbra vista de um dos apartamentos do edifício Sesimbra ShellSesimbra beach, seen from Sesimbra Shell building.
[ clique para ampliar ]

3 Comentários:

Às 23/5/10 , Blogger Swt disse...

Bom aspecto! Os apartamentos e a praia. Inveja minha...

 
Às 24/5/10 , Anonymous Anónimo disse...

Não acha esse edificio com uma dimensão desproporcionada, nomeadamente comparando-o com os que o circundam? As varandas deste edificio shell são mais saídas que as do predio do bar inglês, o que me parece muito mal.
Odete Pinto

 
Às 26/5/10 , Anonymous LCPinto disse...

Tenho tantas saudades dos tempos em que dava 2 eurozitos(quatrocentos paus) para “engordar” o “Zé Mesericórdias” como não lhe chegasse o euromilhões ,totolotos e totobolas em troco do estacionamento neste local recebendo de “oferta” pózinho nas “chanatas”, obrigando-me a lavar os pés e chanatas assim que chegava á borda d’água, assim como não quer a coisa, assobiando para o lado, e que isso perdurasse no tempo para que a minha Piscosa não fosse descaracterizada e que se mantivesse pelo menos mais uns duzentos “anitos”, para que os meus bisnetos, quiçá trisnetos pagassem uns 100 eurozitos-por causa da inflaçãozita para continuar a engordar o Zé Mesericórdias…e pelos séculos…séculos…
“Versus”
É com esta oferta turística de luxo, que Sesimbra poderá subir mais um “patamar” a nível nacional, trazendo a Sesimbra mais-valia, sem prejudicar a coabitação com a recuperação das tradicionais habitações na Vila. Com um “bónus” de cerca de três centenas de lugares de estacionamento público,”não há almoços grátis”, há semelhança do que foi negociado, aquando o empreendimento a nascente Hotel Sesimbra & Spa… sem “pózinho nas chanatas” que era tão típico.
PS – no entanto reconheço que Odete Pinto tem razão, quando menciona o facto da diferença que existe em relação ao empreendimento do “Bar Inglês”ao lado, alguém saberá porquê, tenho a certeza.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada