ll

segunda-feira, outubro 26, 2009

     Esta é a época dos pássaros de arribação — como aqueles que fazem grande alarido nas árvores do jardim ao cair do dia — e, por isso mesmo, bem podia a Câmara ter esperado antes de começar a cortar radicalmente essas árvores. Os magníficos eucaliptos do vale florescem e alimentam as abelhas. E à noite as cigarras fazem ressoar no vale o seu poderoso ruído branco.This is the season of birds of passage - like those who make a fuss in the garden's trees by dusk - and, therefore, the municipal services might well have waited before starting to dramatically cut the all the leafed branches. The magnificent eucalyptus of the valley blossom and feed the bees. And at night the cicadas are reverberating in the valley its powerful white noise.

     Uma outra história de arribação: por esta altura do ano, vinda da Índia, "arribou" a Sesimbra a nau São Valentim. Dirigia-se a Lisboa mas estes barcos, muitas vezes, vinham bastante combalidos da viagem, a meter água e a necessitar de reparações urgentes. Na mesma altura patrulhavam a costa ocidental da Ibéria duas esquadras inglesas, dirigidas pelo cavaleiro da rainha Elisabeth "Sir" Richard Leveson e por William Monson. Cruzaram-se com uma frota espanhola que rumava à Flandres mas, estando em minoria, deram a volta ao largo, apesar de estarem em guerra com a Espanha — e com Portugal também, pois o rei, Filipe II, era o mesmo. Rumaram então a Sesimbra que atacaram a tiro de canhão, destruindo o Forte de São Valentim, que existia a meio da praia — e que também era conhecido como o Forte da Marinha, daí o nome do actual largo (terá o tradicional nome de Largo dos Valentes algo a ver com isto?). Levaram a nau, carregada de ouro, para Inglaterra, onde chegaram a 25 de Outubro.
     Os Ingleses fantasiaram bastante este saque: há relatos que dizem que havia 10 mil soldados na praia, que o galeão foi defendido por oito galés, e ainda que o vento soprava de terra para o mar: uma missão quase impossível, difícil de acreditar — e o que faria tanto soldado na Ribeira? Para sua glória, mandaram pintar um quadro fantasista a Hendrick Vroom, no qual Sesimbra aparece na falésia — tal como os prédios dos anos 60 — e a ruir sob o bombardeamento.
Sesimbra está empoleirada a meio do mais alto dos dois rochedos à direita. Devem ter confundido com os morros do Macorrilho e do Alcatráz...

3 Comentários:

Às 27/10/09 , Anonymous Anónimo disse...

A 8 de Junho (ou Julho?) de 1602, em Sesimbra, a nau S. Valentim foi atacada por um navio inglês que a tomou.

 
Às 27/10/09 , Anonymous Anónimo disse...

Se fosse agora a policia maritima despachava os ingleses

 
Às 27/11/09 , Anonymous Anónimo disse...

Boa !!!o 2 anonimo

Essa policia foi ensinada a roubar
Esses parvos !

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada