ll

domingo, abril 05, 2009

Sesimbra
Porto de Sesimbra.Sesimbra harbour.
[ clique para ampliar ]

12 Comentários:

Às 5/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

Qual é a proposta da APSS para esta zona?

 
Às 5/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

As pontes cais são prá frota de pesca.
Para os passantes de recreio são os 20 lugares que a CMS exigiu quando fez o donativo??,para a compra dos fingers e plataformas para a 1º fase da doca de recreio do CNS.

 
Às 5/4/09 , Blogger m_m disse...

Beautiful sunny view!

 
Às 5/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

Domingo de Ramos

 
Às 5/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

Vejo um enorme iate no cais destinado à pesca.
Será que não tem dinheiro para pagar a marina?

 
Às 6/4/09 , Anonymous Pelim disse...

Boa Tarde,

O Porto de Sesimbra tem espaço mais do que suficiente para a pesca e para o turismo náutico. Até porque infelizmente a pesca já não é o que era. Está na altura de quebrar o paradigma entre pescadores e regalistas (expressão sesimbrense de cariz pouco feliz) e pensarmos no bem comum de todos pois é obvio que o futuro de Sesimbra e dos sesimbrenses está no turismo qualificado.
Em relação ao comentário anónimo sobre a embarcação atracada no molhe destinado(?) à pesca parece-me pela foto que a dimensão da mesma não tem acostagem possível nos passadiços do Clube Naval privativo do Lino Correia.

Pelim

 
Às 6/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

Provavelmente o que esse iate gastou em combustivel de Cascais até Lisboa é o que esse anónimo ganha num ano... pateta!!!

 
Às 6/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

O Pelim fala em "Turismo Qualificado» onde em Sesimbra?
Em Sesimbra o unico turismo que vejo são só 2 meses de verão a alugarem casas, não temos clima e oferta para mais.
Sim é verdade que abriu um novo Hotel Spa, mas fecharam as Vilas o Forum Sesimbra nunca abriu, e os apartamentos turisticos são uma farsa.
Claro que aquela embarcação podia acostar na marina se tivesem previsto lugares de visita, afinal a se uma embarcação de pesca por pequena que fosse e não houvese cais e a alternativa fosse a marina, caia o Carmo e a Trindade!
Aconteceu com um amigo e porque a mulher teve dificuldades a subir as escadas de ferro, deixamo-la na marina, fomos repreendidos por um porteiro que só faltou bater-nos.
O Pelim diz que "a pesca já não é o que era", estou perfeitamente de acordo, agora somos o maior porto pesqueiro de Portugal em quantidade vendida e apanhada.

E esta em!!!!

 
Às 6/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

O que é que a APSS tem feito por Sesimbra?

 
Às 7/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

O presidente da APSS Eng Carlos Lopes filho do dignissimo Dr Lopes da farmácia ,tem feito por Sesimbra tudo.

 
Às 8/4/09 , Blogger J.A.Aldeia disse...

Quem quiser comentar assuntos do porto de Sesimbra, tudo bem; quem quiser comentar aspectos pessoais seja de quem for, terá de o fazer noutro lado.

O porto de Sesimbra tem um plano de ordenamento que foi feito depois de serem ouvidos todos os sectores e organizações que ali existem. Muitas vezes fico com a ideia de que se fala sem saber o que está nesse documento.

 
Às 9/4/09 , Anonymous Anónimo disse...

O porto de Sesimbra pode até ter um plano de ordenamento. Mas quem por lá passa difícilmente acredita que seja aplicado.

Cumprimentos,

MP

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada