ll

sábado, julho 19, 2008

fotografia alojada em www.flickr.com
[ clique para ampliar ]
O mesmo local da foto de baixo, antes da inauguração do monumento aos Combatentes de Sesimbra.The same place of the photo below, with the memorial honoring the fallen soldiers of Sesimbra.
Guerra 1914/1918 - I World War
Cândido da Costa
Frederico Marques
Manuel Joaquim Pereira

            Guerra do Ultramar - Overseas Wars            
Angola
António G. Marques Vieira
Elísio M. do Rego Bravo
João M. Rodrigues Cardim
Júlio H. Correia Pinto
Lázaro Pereira Loures

Guiné
António H. Melão Viegas
Quintino Batalha Cartaxo

Moçambique
Vitor M. Bandeira Quaresma

15 Comentários:

Às 19/7/08 , Anonymous Anónimo disse...

Está muito giro. a rotunda é que podia ter ficado mais centrada

 
Às 20/7/08 , Blogger Swt disse...

Vou dizer que acontecem imensos eventos em Sesimbra!
Já em Loures, como sabem, isto é uma pasmaceira... ou então c'est la guerre... é ruim.

 
Às 20/7/08 , Anonymous Pollux disse...

É o 8 e o 80, swt...

Quanto ao monumento, pensava que tivesse morrido mais gente nas guerras.
Está toda a gente ali homenageada?

 
Às 20/7/08 , Blogger J.A.Aldeia disse...

Nas guerras do Ultramar morreram 9.000 soldados portugueses (1 por cada mil habitantes). Os números de Sesimbra encontram-se abaixo dessa média (cerca de metade).

 
Às 20/7/08 , Anonymous Pollux disse...

Se assim é, quem são os (poucos) homenageados e porquê só esses?

ps: Antes que venham alguém aproveitar-se das minhas palavras, coloco esta questão porque é uma lacuna no meu conhecimento.

 
Às 20/7/08 , Anonymous Anónimo disse...

Pollux : mal informado e mal formado , nem que só lá tivesse morrido um Sesimbrense ...ou será que existe um número mínimo para se erigir um monumento a quem perdeu a vida ao serviço da pátria ?

 
Às 21/7/08 , Anonymous Anónimo disse...

Pollux, vai dar uma volta!!!

 
Às 21/7/08 , Anonymous Anónimo disse...

por acaso e sem intençao,ouvi uma conversa do presidente da liga dos ex combatentes de sesimbra(nao sei se é bem este o nome da associaçao!! )onde o sr explicava que este monumento é uma homenagem a todos os sesimbrenses falecdos em combate e xplicava sr a outra pessoa a dificuldade em conseguir os nomes de todas as pessoas,inclusive um que esteve na 1ª ou 2ª guerra mundial,nao apenas os da guerra do ultramar,a associaçao quer todos os nomes na lapide e pede até aos familiares de soldados que tenham falecido em combate e que nao vejam o seu nome ,que façam o favor de comunicar de maneira a ser-lhes feita a devida homenagem.

 
Às 21/7/08 , Blogger Pedro disse...

Não percebo o porquê de só se fazer homenagens ao que morreram, será que os que vieram com vida não são dignos também desse valor.
Em portugal só se da mesmo valor as pessoas depois de mortas, e isso é uma pena.

Pedro Aldeia

 
Às 21/7/08 , Anonymous Pollux disse...

Obrigado pelo esclarecimento, caro anónimo.

Infelizmente, os outros dois anónimos anteriores não primam pela inteligência pois, a minha questão tinha tanto sentido de ser feita que foi respondida mais tarde.

Já agora, na minha opinião, deveriam constar todos os que morreram mas também todos os que combateram pois, afinal de contas o monumento homenageia os combatentes e não apenas os falecidos (e como é sabido há muita gente em Sesimbra com sequelas de guerra, nem que sejam do foro psicológico).

Espero que a recolha de nomes tenha muito sucesso.
Já agora, o João Aldeia poderia criar um tópico informativo sobre tal.
Pense nisso.

;)

 
Às 22/7/08 , Anonymous Anónimo disse...

O monumento em si já homenageia todos os combatentes sesimbrenses, mas dá destaque àqueles que lá perderam o seu bem mais precioso : A vida .
Será que é dificil de compreender ?

 
Às 22/7/08 , Blogger Pedro disse...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
Às 22/7/08 , Anonymous Pollux disse...

Estou de acordo quanto a isso mas, havendo a possibilidade de haver um registo era uma "mais valia".
Independentemente do que se passou e do que aconteceu a quem combateu, em demasiadas situações da nossa história pouco se sabe devido à ausência de registos.
As pessoas cada vez mais são de memória curta e com um registo a história não se irá esquecer daqueles que para ela contribuíram.
Este blog é um exemplo práctico disso.

 
Às 23/7/08 , Anonymous Anónimo disse...

o meu avô não morreu lá mas morreu com os efeitos dos gases que oram lançados pela 1ª vez na I guerra mundial.E tantos outros assim.

 
Às 23/7/08 , Anonymous Anónimo disse...

Um só morto ja é muito

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada