ll

segunda-feira, abril 14, 2008

fotografia alojada em www.flickr.com
[ clique para ampliar ]
Sabino, aos remos de um "chato", largando as redes da sua chincha ao largo da praia da Califórnia. A arte da chincha — também designada como arte do Caneiro, nome da ponta nascente da praia da Califórnia — tem a característica única de estar aberta a quem quiser participar no esforço de arrastar as redes para terra, com direito a uma parte no quinhão da pesca. Embora marginalmente produtiva, esta pesca permite a pessoas de poucos rendimentos, nomeadamente pessoas idosas, obter algum rendimento ou alimento. Tirei esta foto há muitos anos, mas a chincha ainda hoje subsiste: veja as magníficas imagens de Rui Cunha →.Fishing nets being deployed in front of California beach, in Sesimbra. Later the nets will be pulled from the beach by fishermen, or anyone who asks to join the task. This fishing system was allways unique in this characteristic: anyone, no matter his or her age, wealth, skills, job situation, nationality, etc., can join the catch effort and get the fish share at the end. Although marginally productive, this system allows for aged people to earn something to eat. This is an old photo, but the system is still used today: see some great photos by Rui Cunha →.

3 Comentários:

Às 14/4/08 , Anonymous Anónimo disse...

A chincha subsiste mas não sei se devia. É que muitos dos exemplares capurados por esta arte estão abaixo dos limites mínimos estabelecidos por lei.

MP

 
Às 14/4/08 , Anonymous Anónimo disse...

Sim realmente a chincha deve ser a grande culpada pela eminente extinção de várias espécies pisciculas , tal como a alforreca , o peixe aranha e outros demais . Já a poluição dos mares , a pesca de arrasto pesada , a apanha submarina de algas a multidão de mergulhadores que vêm só "observar" o fundo do mar , esses coitados vão ficar à mingua por causa da xixa ...

 
Às 16/4/08 , Anonymous Anónimo disse...

Não é a grande cuplada mas tb dá a sua contribuiçãozinha...

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada