ll

quarta-feira, janeiro 30, 2008


[ blog©Sesimbra - clique para ampliar ]
Esta imagem é dedicada a todos os que acham que Sesimbra deveria continuar igual ao que era no passado. Carro camarário de recolha de despejos, com tracção bovina, no largo da Marinha.This photo is dedicated to those who think that Sesimbra is being "destroyed", and that it should remain as it was in the past. Old ox propelled cart, collecting domestic effluent.

8 Comentários:

Às 30/1/08 , Anonymous Anónimo disse...

Este carro teve uma vida triste, mal cheiroso desagradava a toda à gente. Era, no entanto, precioso para a comunidade, em certas alturas, os problemas intestinais faziam-no ser "O Desejado" todos sem excluir a tijela da casa clamavam a sua presença.
A tijela da casa, mais tarde o alcatruz. A mesma peça com serventia tão diferente. Uma para despejo da tripa a outra para alimento da tripa, a vida tem destas coisas.
O que é preciso é ter imaginação.

 
Às 30/1/08 , Anonymous Anónimo disse...

É pá, você às vezes parece estúpido!

 
Às 30/1/08 , Blogger J.A.Aldeia disse...

A sério? Eu pensei que era quase sempre, e agora diz-me que é só às vezes? Que desilusão...

 
Às 31/1/08 , Blogger Deslilas disse...

It seems difficult to be allowed to think that we may progress in respect with our past.
"Du passé faisons table rase" was not our best motto.
On the contrary "The golden age" was not so comfortable.

 
Às 31/1/08 , Anonymous Anónimo disse...

desculpe...é mesmo sempre...

 
Às 31/1/08 , Blogger J.A.Aldeia disse...

deslilas: as I see it, the reasoning that a place has been "destroyed" by modernity, has two weak points, at least. The first is that it suposes that History has been waiting for the generation of the critics, to collapse. Before them, all was idyllic; after them, it will be the catastrophe ("après moi le deluge "— in fact, a sort of "tabula rasa", not of our past, but of our future). But, as we know of similar diagnostics made by former generations, one wanders about the relativity of all this.

The other weak point is that these critics also critisize the morals and behaviours of people, and are allways asking for a "new mentality", a "new school", "new politics", and so on. If we could change all that, as they demand, the world would be a very different place, and the "identity" that they worship, in aspects like urbanism, would be deeply changed by this way.

 
Às 31/1/08 , Anonymous Anónimo disse...

Não se desiluda, afinal deve ser sempre estúpido. Só que, às vezes, até parece que disfarça bem!

 
Às 31/1/08 , Anonymous Anónimo disse...

Nos dias de hoje, a viatura é diferente e, em vez de dois homens, há sete ou oito, um a trabalhar e o resto a ver.
Foi isso que mudou porque o conteúdo do depósito é o mesmo.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada