ll

domingo, dezembro 30, 2007

fotografia alojada em www.flickr.com
[ blog©Sesimbra - clique para ampliar ]
Apesar da limpeza feita, a Alfarrobeira continua a manifestar sintomas de que se encontra gravemente afectada. Agora, entalada entre o trânsito automóvel e uma nova construção (que lhe roubou o nome) corre mesmo o risco de desaparecer.
É pois urgente que as autoridades locais contratem um especialista para fazer um diagnóstico adequado e prescrever medidas urgentes de salvação da Alfarrobeira.
This carob is a historic tree, that gave the name to this site, located on a important crossroad of the old road from Lisbon to Sesimbra. Due to the modern worship of automobile, the soil was removed from the base and the tree suffered rude cuts: on the right side, half the tree branches are missing. As you can see, she is crying for help. Ironicly, the (ongoing) building behind uses "Alfarrobeira" (carob tree) as its marketing name

8 Comentários:

Às 30/12/07 , Blogger Annie disse...

A neat picture, thanks for the history behind it. How sad for the tree.

 
Às 31/12/07 , Anonymous CresceNet disse...

Gostei muito desse post e seu blog é muito interessante, vou passar por aqui sempre =) Depois dá uma passada lá no meu site, que é sobre o CresceNet, espero que goste. O endereço dele é http://www.provedorcrescenet.com . Um abraço.

 
Às 31/12/07 , Blogger Ana Dias disse...

Há por cá muitas destas... é urgente a acção de quem pode e deve!

 
Às 31/12/07 , Anonymous Anónimo disse...

Mudem-na de lugar , ali ou há progresso ou alfarrobas ,tá mais que visto ...

 
Às 31/12/07 , Blogger maria elisa disse...

Boas entradas J.A.

:)

 
Às 31/12/07 , Blogger J.A. disse...

Agradeço os comentários. Desejo um muito Bom Ano a todos!
Thank you for your comments. A Happy New Year for you all!

 
Às 3/1/08 , Anonymous Anónimo disse...

É muito bom dizer umas "bocas", mas a verdade é que tem sido a construção civil "sobretudo o comprador final" que tem pago os ordenados ás centenas de "trabalhadores" da CMS e acessores dos políticos.

Construção Civil = Licenças, taxas, IMI, IMT, aluguer de contadores, ramais, manutenção de redes, etc.

Curiosidades:
- Um Requerimento em 1998 custava 350 escudos, hoje custa mais de 60 euros.
- Um fogo (100m2) paga em média 5.000 euros de licença de construção.

 
Às 7/2/08 , Anonymous Anónimo disse...

Se a construção fosse sinónimo de progresso não havia desertificação em Sesimbra...

Já que querem construir pelo menos que salvem a Alfarrobeira pois é uma árvore centenária.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada