ll

sexta-feira, novembro 09, 2007

fotografia alojada em www.flickr.com
[ blog©Sesimbra - clique para ampliar ]
Escavações de um castro pré-histórico, provavelmente do período da cultura Campaniforme. O circulo de pedras demarca uma lareira.
Muitos autores assinalam o ocidente da Península Ibérica como o provável centro difusor desta cultura pré-histórica, e a nossa região como origem do Campaniforme Marítimo. "Capital do Campaniforme Marítimo" seria um bom título como guia para o turismo cultural.
      Excavations at a prehistoric site, probably from Bell-Beaker Culture. The circle of stones mark the fireplace.
Many authors point the west of the Iberian Peninsula as the likely origin of this prehistoric culture, and this region as the origin of Maritime Bell Beakers. "Capital of Maritime Bell Beaker" could well be the guideline for cultural tourism in this region.

3 Comentários:

Às 12/11/07 , Blogger joão fonseca disse...

É já parece a estrada da quintola de santana vejam la se despacham esta porcaria que estou farto de comer pó

 
Às 14/11/07 , Blogger J.A. disse...

Um povoado pré-histórico com milhares de anos faz-lhe lembrar a estrada da Quintola de Santana? Mesmo que esteja apenas a tentar fazer passar uma mensagem partidária, olhe que mesmo assim faz uma mofina figura.

 
Às 14/11/07 , Blogger Pedro disse...

Realmente Sr. João Fonseca, deveria ficar feliz por a nossa terra possuir estes vestígios e ao mesmo tempo divulgar os mesmos(é isso q eu vou fazer) por amor a SESIMBRA. Há e se tá farto de comer pó mexa-se e resolva a sua situação com as entidades competentes ou então....

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada