ll

segunda-feira, fevereiro 09, 2009

Grupo dos 21.Carnival parade.

11 Comentários:

Às 10/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

Por favor arranjem um sitio para o trepa do coqueiro ou trepam nas garrafas das cervejas ,que nao dao qualidade de vida a ninguem ,e nesta momento estao pessoas gravemente doentes e nao têm respeito por ninguem,ensaiam com as colunas todas ,que a loiça ate treme nos armarios ,e depois de bem bebidos levam a discutir ate as tantas da manha

 
Às 10/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

Grupo dos 21?Só aparece uns 10 ou 11

 
Às 11/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

Mais um anónimo a tentar denegrir a imagem e as pessoas de uma Escola de Samba que tem provas dadas de utilidade Pública que juntam 4 gerações nos prepara- tivos para o Carnaval, em que a rede Globo está esta semana a vazer um documentário na nossa Escola,e em que vai levar o nome SESIMBRA ao pais irmão.
Este anónimo diz que está "pessoas gravemente doentes", então levem-nas ao Hospial, porque estar numa casa mal construida em "que a loiça ate treme nos armarios", talvez não seja melhor local para um doente estar.

Se o anónimo se identificar à uma pessoa do Trepa (saiu-lhe o Euromilhões)que lhe poderá comprar-lhe uma casa longe da civilização.

Amigo do Carnaval e de Sesimbra

 
Às 11/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

Este ultimo comentario parece-me de extremo mau gosto.
Nao sei se a pessoa esta ou nao doente,mas a ser verdade nem todos os doentes precizam de estar no hospital,e que melhor lugar para se estar a nao ser a nossa casa???
já agora utilidade publica de k???
so se for para venderem os geradores da escola ,para se orientarem...nem me façam falar...

 
Às 11/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

Quando vizeram queixa à CMS de que uma vizinha com 90 anos se queixava com o barulho,achamos estranho isto porque a Sra. na altura dos ensaios vinha para a janela e nunca nos confrotou com nada,foi então que 2 elementos foram pedir desculpas.
A senhora disse-nos que os ensaios não a encomodavam e que gostava de ver porque funcionava como companhia, e que não tinha pedido para fazerem queixa.

Continuo a achar é que existe muita gente de má fé.
Afinal estamos perante preparativos para o maior evento Cultural de Sesimbra.

Deixem-nos trabalhar.

 
Às 11/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

MEUS AMIGOS O BOM CENSO TEM QUE PREVALECER PARA BEM DO CARNAVAL E DA BOM VIZINHANÇA.

 
Às 11/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

E então o resto dos 21?
So se veêm uns 10 ou 11

 
Às 12/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

A pessoa a quem lhe saio o euromilhoes que compre passagem de aviao e levem todos do trepa para as favelas do Brasil

 
Às 12/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

Nesse predio mal construido e onde o trepa se encontra por isso nao tem condiçoes para estar uma escola de samba ,os doentes nao têm de sair de casa porque meia duzia de palhaços nao respeita os outros

 
Às 12/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

Infelizmente e embora seja uma minoria, mas este vocabulário é tipo da má formação de algumas pessoas que ali moram.
Felizmente a maioria nos nossos vizinhos (Trepa)são pessoas civilizadas e que inclusive frequentão as nossas instalações.

Nós TREPA sabemos quem elas são e habitualmente estão na primeira fila do dia do desfile.

Na minha querida Sesimbra sempre ouvi que: "Pela boca morre o Peixe"

 
Às 12/2/09 , Anonymous Anónimo disse...

Força trepa,existe pessoas que não sabem reconhecer o nosso trabalho.
BRego

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada