ll

domingo, maio 11, 2008

fotografia alojada em www.flickr.com
[ clique para ampliar ]
Fotografia enviada por Miguel Lourenço, mostrando uma pescaria da barca dos Ratinhos, que, para além da pesca de albacoras, foram dos primeiros a dedicarem-se regularmente à pesca do espadarte. A meio da foto vê-se o Emílio "Mil Homens" e, à direita, o seu irmão Augusto Ratinho. Esta mesma família é referida neste post →.
A pesca do espadarte também se desenvolveu em Sesimbra na vertente desportiva, sobretudo pela acção de Arsénio Cordeiro: veja referências aqui, aqui e aqui.
Uma pescaria desportiva dava origem ao ritual da fotografia "oficial" frente ao Hotel Espadarte (foto), mas esta fotografia, bastante rara, revela a espontanea homenagem da comunidade ribeirinha face a uma pescaria excepcional.
The fishermen of family Ratinhos were among the first to capture swordfish on a regular basis.

This same family is on this post →.

The fishing of swordfish was also developed in Sesimbra as a sport ("Big Game Fishing"), mainly by Arsénio Cordeiro — see some photos here, here and here.

The "big game" fishing included the official photo in front of Espadarte Hotel (see photo), but this rare image shows the spontaneous tribute of the seaside community to a extraordinary capture.
Photo sent by Miguel Lourenço.

12 Comentários:

Às 11/5/08 , Blogger Abraham Lincoln disse...

I feel so sorry for the sword fish who are lost and gone forever.

 
Às 11/5/08 , Blogger J.A.Aldeia disse...

abraham lincoln: I was approached by some sardines here, that asked me to convey to you this request: if you would care to lead a movement to save them from being fished...
;-)

 
Às 11/5/08 , Anonymous Anónimo disse...

é pena que não refira que retirou a última fotografia deste post, no blogue Caneiro, mas tudo bem...

Caneiro

 
Às 11/5/08 , Blogger J.A.Aldeia disse...

Eu também acho que está bem: não foi você quem tirou a fotografia, não possui os respectivos direitos, e também já colocou fotos no seu blog sem fazer referência à origem. Por exemplo:

esta foto, tirada duma página da Geocities, que foi criada por um dos autores deste blog.

E a mesma coisa com esta foto.

Mas não fique com pena, porque vou mesmo retirar a referência à foto e indicar outro link.

 
Às 11/5/08 , Anonymous Anónimo disse...

És muito convencido meu

 
Às 11/5/08 , Blogger J.A.Aldeia disse...

Pois, mas isso é que não é um argumento.

 
Às 11/5/08 , Anonymous Anónimo disse...

mas quem começou com esse jogo foi você. É que há uns meses atrás ficou todo ofendido por ter aparecido uma imagem do Numancia no blogue Caneiro e fez logo um post a dizer que tinha usado uma foto sua sem fazer referência ao autor. E que eu saiba não foi voce que tirou essa foto, assim como não fez referência ao autor da mesma.
Costuma-se dizer que não se deve atirar pedras quando se têm telhados de vidro.

Passar Bem

Caneiro

 
Às 11/5/08 , Blogger J.A.Aldeia disse...

Oh oh!

Se isto fosse um problema de "quem começou", cabia-lhe a si a medalha, pois essa primeira foto de Sesimbra que publicou, retirada de uma página minha, sem referir a origem, foi em Maio de 2006. E repetiu em Junho. Mas isso não me chateou nem eu disse nada, porque, de facto, é irrelevante, e acho positivo que se divulguem fotos de Sesimbra. Mas hoje, assim que viu um link para a foto do espadarte, veio logo manifestar "pena" por não ter sido feita referência ao seu blog!...

Em Junho de 2007, coloquei um post neste meu blog a falar sobre o Numância, e sobre o facto de coisas colocadas por mim na Net terem tido repercussão em Espanha, ao ponto da página da Armada espanhola ter vindo recolher elementos a essa minha página, fazendo a devida referência.

No fim desse meu escrito, acrescentei este parágrafo: «De tempos a tempos vejo alguns blogs sesimbrenses publicarem estas mesmas fotos, sem referirem a origem - o que é quase irrelevante - mas sobretudo sem relembrarem a fantástica história da Numância. Provavelmente está bem. Afinal, quem não tem memória não tem remorsos.» Este meu post pode ser lido integralmente aqui.

E foi daqui que você concluíu que eu fiquei «todo ofendido»? Não me faça rir. Então achou que o post tinha sido feito especialmente para si?

Como diria o outro: Então eu é que sou "muito convencido"?

 
Às 11/5/08 , Blogger J.A.Aldeia disse...

Aproveito esta conversa para esclarecer o que penso sobre a utilização de fotos aqui publicadas: não coloco qualquer limitação a que sejam reproduzidas noutros blogs, sejam elas da minha autoria, ou não. Agradeço que seja feita referência à origem, mas apenas por uma questão de simpatia, que deve ser uma regra na blogosfera. Mas ninguém é obrigado a tal. Se não quiserem indicar a origem, não faz mal.

O blog Sesimbra, aliás, é dos poucos que publica fotos originais sem colocar nenhum nome ou símbolo sobre a foto (em alguns casos até se faz isso para impedir que as fotos sejam reproduzidas).


Acrescento ainda que a foto a que o Caneiro faz referência, não foi aqui publicada: apenas foi colocado um link para a mesma, que é algo bem diferente. Ele até dos links quer que se indique a autoria, temos de compreender. Há um outro blog de Sesimbra que tem publicado fotos minhas, fazendo referência, não ao blog Sesimbra, mas sim ao endereço da foto no flickr.com (que não permite saber de onde vem) mas por mim, tudo bem!

A propósito de links: não se esqueçam de visitar o blog Caneiro. Logo no seu início, desejei-lhe felicidades (vejam!) e mantenho.

 
Às 11/5/08 , Anonymous Anónimo disse...

Caro João , tudo isso são trocos , continue a publicar fotos de Sesimbra que nos deliciam e o resto é conversa .

 
Às 13/5/08 , Anonymous Anónimo disse...

Também concordo com este ultimo comentário. De todos os blogues este é aquele que quase diariamente visito porque acho bastante interessante o João Aldeia preocupar-se com a publicação de fotos antigas e actuais dessa bela terra chamada SESIMBRA.

 
Às 20/5/08 , Anonymous Anónimo disse...

O Sr. do blog do Caneiro,que não sei quem é, mas gostava saber,quando criou o blog devia ter o intuito de partilhar com os Sesimbrenses, como faz o Sr. Aldeia, que nem personaliza as fotos do seu Blog.

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada