ll

quarta-feira, fevereiro 06, 2008

fotografia alojada em www.flickr.com
[ blog©Sesimbra - clique para ampliar ]
O tradicional Enterro do Bacalhau voltou a percorrer esta noite as ruas da vila. Gostei da leitura de versos críticos e jocosos, ao modo das cegadas, mas creio que se dispensava bem a aparelhagem sonora e a iluminação artificial, ou as viaturas a abrir e fechar o pequeno cortejo. Não digo que se voltem a usar os archotes de antigamente, mas uma iluminação com círios, a voz natural dos personagens, e o simples percurso pelas estreitas ruas e largos da vila, com algumas paragens mas sem palcos, talvez fosse mais adequado à natureza deste ritual.Traditionally, Carnival festivities are closed Wednesday night by the "Codfish Burial", a mockery of a religious funeral, with a humorous/mournful procession passing through the narrow streets and squares, stopping at some points, where the characters (the deciesed Codfish, the Widow, the Mistress, the Priest, some friends) declaim verses, criticizing different aspects of social and political life.

5 Comentários:

Às 7/2/08 , Blogger Pat disse...

Interesting to read about this.


Pat

Guelph Daily Photo, My Photos.

 
Às 7/2/08 , Blogger Deslilas disse...

Beau et très intéressant reportage.

 
Às 7/2/08 , Anonymous Pexita disse...

Essas sugestões ditas no comentário são todas verdadeiras. Era preciso que a Sociedade Recreio Sesimbrense (REFUGO) tivesse mais apoios para que o "Enterro do Bacalhau" fosse bem melhor. São pessoas dedicadas um ano inteiro para que tudo corra o melhor possível. Só pena que não exista mais divulgação. Ai sim!!!!

 
Às 7/2/08 , Anonymous Anónimo disse...

Lembro-me do enterro do bacalhau sair da loja do Manuel Gervásio, na Rua da Fé e de outros mais antigos. O Joãozinho da Lalém fez muitas vezes de viúva e fez-nos passar momentos muito divertidos.
Tenho uma óptima opinião dos carolas da Sociedade "O Refugo", é bem pensado, este evento passar a ser da sua competência.

 
Às 8/2/08 , Anonymous maragota disse...

O problema é que, mesmo morto, o raio do Bacalhau ainda pede alho...

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial

Aguarelas de Turner|  O amor pelas coisas belas |  Angola em Fotos  Aldrabas e fechaduras| Amigos da Dorna Meca| Amigos de Peniche| André Benjamim| Ao meu lado| Arrábida| (flora) Arrábida| (notícias) Arrastão| @tlanti§| Atlântico Azul| Atitude 180| Badamalos| Banda da SMS|  Barcos do Norte | B. dos Navios e do Mar| Blasfémias| Blue Moon I|  Boa Noite, Oh Mestre! | Canoa da Picada|  Carlos Sargedas |  Caminhos da Memória |  Catharsis |  Caxinas... de Lugar a freguesia  | Cetóbriga| Clube Leitura e Escrita| Coelho sem Toca| Cova Gala|  Crónicas de 1 jornalista | De Rerum Natura|  Desporto Saudável | Dias com Árvores| *** Dona Anita ***| Do Portugal Profundo| El mar és el camí| Espaço das Aguncheiras| Estórias de Alhos Vedros|  Estrada do Alicerce | Expresso da Linha|  Filosofia Extravagante | Finisterra| Flaming Nora| Grão de Areia| Gritos Mudos| Homes de Pedra en Barcos de Pau| Imagem e Palavra| Imagens com água| Imenso, para sempre, sem fim| O Insurgente| J. C. Nero| José Luis Espada Feio|  Jumento  Lagoa de Albufeira| Mar Adentro Ventosga| Magra Carta| Marítimo| Mil e uma coisas| Milhas Náuticas| Molino 42| My Littke Pink World| Nas Asas de um Anjo| Navegar é preciso|  Navios à Vista |  Nazaré | Neca| Nitinha| Noites 100 alcool| Nós-Sela| Nubosidade variabel| O Calhandro de Sesimbra|  Orçadela | Página dos Concursos| Pedras no Sapato|  Pedro Mendes | Pelo sonho é que vamos| Pescador| Pexito do Campo|  A Pipoca mais Doce | Ponto de encontro| Portugal dos Pequeninos|  Praia dos Moinhos |  Quartinete | Reflexus| Rui Cunha Photography| Rui Viana Racing| Rumo ao Brasil|  Ruy Ventura | Sandra Carvalho| Sesimbra arqueológica|  Sesimbra Jobs |  Sesimbra Jovem |  Sesimbra, três Freguesias, um Concelho| Se Zimbra|  Simplicidade | Singradura da relinga| Skim Brothers| Sonhar de pés presos à cama|  Tiago Ezequiel |  Tiago Pinhal |  Trans-ferir | Una mirada a la Ria de Vigo|          Varam'ess'aiola |  Ventinhos |


Canoa da Picada